Bom Jardim Notícias.com

Mito ou Realidade: Um osso fraturado se torna mais forte depois de curado?

Mito ou Realidade: Um osso fraturado se torna mais forte depois de curado?

Assim como o músculo, o osso humano cresce e se fortalece sob pressão, e enfraquece quando não está sendo usado. Essa é a razão pela qual os astronautas retornam a Terra com densidade óssea reduzida depois de flutuar em um ambiente de microgravidade. Inversamente, pela mesma razão jogadores de tênis e esgrimistas desenvolvem maior massa óssea em seus braços e pernas.
Este conceito – que o osso se adapta à pressão, ou a falta dela – é conhecido como a lei de Wolff. Mas, será então que, se um osso se quebra, ele se fortifica depois de curado? Afinal, não é na pressão que o osso se fortalece?
Talvez não. Parece que a adaptação do osso só vai até aqui. Não há evidências de que um osso quebrado se torne mais forte do que era antes.
Segundo os médicos, quando você fratura um osso, o processo de cicatrização começa através da formação de um calo no local da fratura, onde o cálcio é depositado para ajudar na reconstrução do osso. Mas como não há nenhum peso ou pressão sobre o membro, o osso se torna mais fraco – exceto no local do calo, onde o cálcio está sendo depositado.

Portanto, sim, a área que está se curando está sofrendo uma mineralização rápida, e como resultado, pode haver um breve período no processo de cura em que o local da fratura será mais forte do que o osso circundante. Mas como você não pode usá-lo, o resto do osso é desmineralizado.

Depois que a fratura se cura, o osso volta a ter a mesma força, e o local da fratura não é mais ou menos propenso a quebrar novamente do que qualquer outro osso.
Alguns estudos já submeteram ossos quebrados à flexão e torção, e eles foram tão capazes de se quebrar novamente como qualquer outro osso poderia se quebrar. Ou seja, talvez a pressão não seja um caso universal para o fortalecimento do osso.
[NewYorkTimes]

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta