Bom Jardim Notícias.com

O amor não tem sexo

O amor não tem sexo

O que é o amor? Em definição do Wikipédia seria: “A palavra amor (do latim amor) presta-se a múltiplos significados na língua portuguesa. Pode significar afeição, compaixão, misericórdia, ou ainda, inclinação, atração, apetite, paixão, querer bem, satisfação, conquista, desejo, libido, etc. O conceito mais popular de amor envolve, de modo geral, a formação de um vínculo emocional com alguém, ou com algum objeto que seja capaz de receber este comportamento amoroso e enviar os estímulos sensoriais e psicológicos necessários para a sua manutenção e motivação.”.

Ler mais…O amor tem em si as qualidades de um sentimento maravilhoso, a amizade. Seria ele o maior de todos os sentimentos, acobertados por todos os outros. É o mais frágil e, ao mesmo tempo, o mais forte. Ele é capaz de derrubar barreiras com um simples sorriso, capaz de unir afetos de pessoas por um simples olhar e fazer querermos pertencer ao outro, não por sermos submissos ou ser de posse da pessoa amada, mas por entrega. É sonhar acordado com os momentos de estarmos junto daquela pessoa que reune os nossos defeitos preferidos, é ter esta pessoa em mente mesmo quando o corpo está trabalhando em outra coisa e perceber que sua felicidade é importante para ela. Quando amamos alguém, até a forma de falarmos o seu nome é diferente. É simplismente o sentimento mais gostoso de sentir, o mais complicado para explicar e o mais simples de se manter, desde que o cultivemos de forma saudável.

Por mais chocante que seja para algumas pessoas o amor não tem sexo, tão pouco limites ou fronteiras. O amor tem tudo, é o nosso maior sonho de felicidade, e ninguem pode ser feliz sozinho, temos que ter alguém para amar e ser amado. Mesmo que os homens insistam em colocar regras confusas nos sentimentos dos outros, para o amor são impossiveis de se seguir, ele é mais do que a sociedade espera dele. Ele está ai pra todos e não para ser reprimido, ou negado à alguém. Ele simplesmente surge e quer ocupar seu lugar de direito.

Podemos ver um bom exemplo de como o amor se manifesta no curta metragem nacional: Eu não quero voltar sozinho. Que narra a vida de Leonardo, um adolescente cego, muda completamente com a chegada de um novo aluno em sua escola. Ao mesmo tempo, ele tem que lidar com os ciúmes da amiga Giovana e entender os sentimentos despertados pelo novo amigo Gabriel. Com o Elenco: Ghilherme Lobo, Tess Amorim, Fabio Audi. Roteiro e Direção: Daniel Ribeiro.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta