Bom Jardim Notícias.com

6 truques simples para economizar combustível

A banca do Listpedia separou seis dicas importantes e fundamentais para aqueles que cuidam de seus carros e também se preocupam com o motor e com o bolso. São truques simples e acessíveis que podem reverter-se em economia no final das contas. Aqui vão elas:

1 – Feche as janelas – Quando andamos com as janelas abertas – em velocidades superiores a 8-km/h – podemos estar causando um gasto excessivo de 9,3% de combustível. Isso se deve pelo fato de que quando o ar entra no automóvel, cria-se uma resistência aerodinâmica. Se a velocidade for constante, o acréscimo de consumo pode chegar a 10%.

2 – Sobe e desce – Um truque para economizar nas subidas é acelerar antes que o declive comece. Assim, não é necessário pisar forte ou até mesmo reduzir a marcha. Nas descidas, a dica é descer engrenado. Ao contrário do que se diz, descer com o motor no ponto morto pode causar um consumo de 5,2% a mais.

3 – Devagar e sempre – Carros que rodam entre 90 a 120 km/h consomem 30% a mais do que carros que andam a velocidades inferiores a essas. Como mais de 50% da energia gasta para mover o automóvel é usada na superação do arrasto aerodinâmico, ao pisar fundo você aumenta a resistência aerodinâmica e de deslocamento, fazendo com que o carro consuma mais.

 4 – Faça a faxina – A ideia principal é: não viaje com excesso de carga. A cada 50 kg de carga, o aumento no consumo é de 1%. Há quem ache que o número é baixo e não deve ser levado em conta, mas, a longo prazo, deve ser considerado. Para aqueles que gostam de encher até o teto – no rack – deve ser lembrado que está se aumentado a área frontal, reduzindo a aerodinâmica do veículo.

5 – Ás no volante – Arrancadas e freadas bruscas exigem mais do motor, portanto, sempre que possível evitá-las – sem causar nenhum acidente, é claro. A troca de marchas também é importante e devem ser preferidas as marchas mais altas, conforme ocasião. O uso da marcha errada pode aumentar o consumo em 30%.

6 – Roda, roda, roda – Por fim, nossa última dica é: calibre os pneus – inclusive estepe. Com pneus descalibrado, a superfície de contato entre o pneu e o solo é aumentada e distribuída de forma incorreta e aumenta a resistência. Quando a resistência é aumentada, o gasto extra pode chegar a 17,8%. O excesso de consumo pode ser evitado por um simples ato: sempre que possível, calibre os pneus quando for abastecer.

Fonte: Revista Super Interessante

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta