Bom Jardim Notícias.com

Semente de chia ajuda a emagrecer e é rica em cálcio, potássio e magnésio

Pequena em tamanho, mas grande em nutrição. Cem gramas de semente de chia, o que equivalente a sete colheres de sopa, tem o dobro de potássio de duas bananas grandes, vinte vezes mais magnésio do que cem gramas de brócolis, cinco vezes mais cálcio do que meia xícara de leite integral.

A chia pode ser usada em várias receitas, como pães e bolos. Triturada, acompanha frutas e iogurtes. Os nutricionistas dizem que ela é uma arma poderosa para quem quer emagrecer e pode ser consumida pura. Bastam duas colheres de sopa por dia, meia hora antes do almoço e outra meia hora antes do jantar, com um copo de água.

O segredo desta semente está nas fibras. Dentro do estômago, em contato com a água, a chia forma uma espécie de gelatina, que retarda a fome. “Esse gel no estômago dá saciedade porque o cérebro vai receber uma mensagem de que o estômago está cheio”, diz Luciana Harfenist, nutricionista.

Há ainda outros benefícios: “Ela é excelente para o intestino também por causa das fibras. Então, pessoas que tem prisão de ventre podem utilizar a chia para melhorar o funcionamento e quem está com o intestino mais solto pode utilizar para regularizar o fluxo”, explica a nutricionista.

Mas atenção, o excesso de chia pode levar ao ganho de peso. “Não existe milagre para emagrecer, existe um equilíbrio da alimentação, seis refeições ao dia, comer de três em três horas, e ter uma gama de nutrientes diferenciados durante o dia. Não basta comer a chia e comer o doce, pizza, pastel de forno, que a pessoa não vai emagrecer, não tem jeito”, alerta a nutricionista.

 

Fonte: globo.com

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta