Bom Jardim Notícias.com

Câncer já matou a mãe e dois irmãos do ex-presidente Lula

Se a Medicina tem constatado que pessoas com histórico de câncer na família têm mais probabilidade de contrair a doença do que aquelas que não têm, o caso do ex-presidente Lula merece cuidados redobrados.

Segundo a jornalista Denise Paraná, autora do livro “Lula, o filho do Brasil”, que virou filme, vários parentes do ex-presidente morreram de câncer.

A mãe, Dona Lindu, foi vítima de câncer no útero e dois dos seus tios também apareceram com tumores.

Por outro lado, Marinete, a irmã mais velha, morreu vítima de câncer, e o irmão, Jaime, teve também um câncer de laringe mas conseguiu superar a doença.

INALDO SAMPAIO

http://www.blogdomagno.com.br/administracao/uploads/imagens/20111101120837_cv_lula.jpg

O cardiologista Roberto Kalil Filho, médico do ex-presidente Lula há mais de 20 anos, afirmou na manhã desta terça-feira (1º) que Lula terá alta no começo desta tarde. Ainda de acordo com Kalil, Lula está “bem” após passar a noite internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde começou o tratamento de quimioterapia contra câncer na laringe, diagnosticado no sábado (29). Segundo a equipe médica, a decisão por fazer o tratamento sem cirurgia foi tomada por ser a mais adequada. Conforme os médicos, a cirurgia está descartada por enquanto.

Artigos Relacionados

1 Comentário

  1. Teresa Monteiro
    1 de novembro de 2011 às 14:25 Responder & darr;

    Lamentavelmente, isso não é um bom prognóstico. Entretanto, a medicina está sempre evoluindo, cada pessoa é única, e a experiência de um não pode servir de exemplo para outros, só de alerta.
    Fica a lição: quem tem fatores de risco, ou histórico de determinadas doenças na família ( câncer, diabetes, psicoses, doenças degenerativas, obesidade, entre outras), é bom ficar alerta para evitar vícios, ou hábitos poucos saudáveis, que possam servir de gatilho para o desencadeamento da doença.

Deixe uma resposta