Bom Jardim Notícias.com

Pastor reforça Bolsonaro na guerra ao movimento gay

O pastor Silas Malafaia e o movimento gay estão em guerra mais uma vez, informa Lauro Jardim, sua coluna da VEJA: ”Na semana passada, a Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transexuais e Travestis (ABLGT) enviou ofício para o Ministério das Comunicações pedindo a retirada do ar do programa de Malafaia.

A ABGLT acusa Malafaia de pregar a violência contra os homossexuais ao dizer que a igreja tinha que ‘baixar o porrete em cima deles’. O telepastor afirma que a sua fala foi editada e tirada de contexto. Malafaia diz que atacou o movimento porque a Parada Gay ‘ridicularizou os católicos’ no meio do ano. No sábado, Malafaia anunciará em seu programa de TV que vai processar Toni Reis, presidente da ABGLT.

Escrito por Magno Martins,

 

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta