Bom Jardim Notícias.com

Falsa grávida diz que testes deram positivo, segundo advogado

Mulher sem a barriga e antes, quando dizia esperar quadrigêmeos (Foto: (Fotos: Enilson de Castro/Divulgação e Rogério Marques/O Vale/AE))

Mulher sem a barriga  e antes, quando dizia esperar quadrigêmeos (Fotos: Enilson de Castro/Divulgação e Rogério Marques/O Vale/AE)A pedagoga de Taubaté Maria Verônica Aparecida, de 25 anos, que ficou conhecida após apresentar uma falsa gravidez de quadrigêmeos, fez seguidos testes de gravidez vendidos em farmácias que tiveram resultado positivo, segundo seu advogado Enilson de Castro. Isso contribuiu para que ela fantasiasse a gestação, defendeu Castro em entrevista realizada em Taubaté nesta segunda-feira (30).

“Ela diz ter feito alguns testes de gravidez e todos deram positivo. Então, decidiu comunicar o marido sobre a gravidez”, afirmou o advogado. Contudo, Castro revelou que Maria Verônica marcava consultas médicas em horários alternativos, quando o marido não podia acompanhá-la.

Segundo Castro, o casal pensava em reverter a cirurgia de vasectomia feita pelo marido de Maria Verônica, o metalúrgico Cléber Eduardo, há cerca de quatro anos, após o nascimento do filho Cauê. Chegaram a consultar um especialista. A cirurgia de vasectomia foi feita sem o conhecimento da pedagoga, que não se conformou com a decisão do marido em razão do desejo de ter uma filha.

Foto
Na entrevista, Castro divulgou uma foto de sua cliente sem a barriga de silicone e os enchimentos.. “Eu tirei essa foto no meu escritório assim que saímos da delegacia, na sexta-feira passada. Acho que, assim, a gente resolve mais um capítulo dessa história, que era mostrar a Maria Verônica sem a barriga”, afirmou o advogado.

Fonte: G1

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta