Bom Jardim Notícias.com

A dificuldade de acertar os passos com o Senhor!

A dificuldade de acertar os passos com o Senhor!
Acertando o Passo com Deus
Por :Oswald Chambers
O único teste da vida espiritual e do carácter de cada homem de Deus, não é o que faz naqueles momentos excepcionais da sua vida, mas, o que faz nos baixios comuns, quando não há nada de extraordinário ou de emocionante para fazer. O valor duma pessoa manifesta-se pela sua atitude face às coisas consideradas vulgares e desagradavelmente comuns, sempre que não se torna o foco de muitas atenções, João 1:35-37;3:30. É trabalho árduo acertar o nosso passo com Deus para nos mantermos com ele dentro dos passos dele; espiritualmente, isso significaria encontrar um novo fôlego para nós. Para aprender a caminhar com Deus, esbarramos sempre na dificuldade de acertar os nossos passos e temporização com ele através dele; mas, quando o conseguimos, a única característica que se manifesta por nós, é a vida de Deus que está em nós. Em sua união com Deus, a pessoa não é mais vista por sua individualidade; só se percebem os passos e o poder de Deus a partir de então.
É difícil acertar o nosso passo com Deus, porque quando começamos a caminhar com ele verificamos que, antes de havermos dado três passos, ele já nos ultrapassou em muitos. Deus faz as coisas de modo muito distinto e temos que aprender a conhecer os métodos que ele mais usa. O profeta diz o seguinte a respeito de Jesus: “Não desanimará nem se quebrará”, Is.42:4; e isso aconteceu porque ele nunca agiu segundo o seu próprio conselho, mas antes e sempre segundo o do Pai. Temos que aprender a fazer o mesmo com Ele. Não será através do nosso raciocínio intelectual que aprenderemos as verdades espirituais todas, mas, pelo contacto espiritual que obtivemos com ele. O Espírito de Deus modifica nossa maneira de encarar todas as nossas coisas; e o que antes se nos tornara impossível de conseguir, começa a tornar-se possível e normal agora. Acertar os nossos passos com Deus significa nada mais e nada menos do que entrar em uníssono e em comunhão unificadora com ele. Leva-se muito tempo para chegarmos lá, mas, não desista como ele não desistiu. E se a dor agora for muito forte para si, não desista logo – prossiga e em breve verá que tem uma nova visão pela frente e um novo objectivo.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta