Bom Jardim Notícias.com

Justiça mantém bloqueio a Michel Teló da música Ai, se eu te pego

Justiça mantém bloqueio a Michel Teló da música Ai, se eu te pego

O único benefício diretamente obtido por Michel Teló com a música Ai, se eu te pego, é midiático e entre os fãs. Grana para encher o bolso, nem pensar. A Justiça manteve o bloqueio dos lucros e das receitas provenientes da execução da canção, alvo de um processo judicial na Paraíba. O artista e a Musical Panttanal Ltda., controlada por ele, haviam movido uma ação para permitir o acesso ao faturamento proporcionado pelo hit famoso no mundo todo. A decisão da 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba manteve o entendimento da 3ª Vara Cível de João Pessoa.

O Judiciário obriga o cantor a depositar o dinheiro arrecadado com a música em uma conta consignada e impedida de ser movimentada. O imbróglio é fruto de uma disputa em torno da autoria da composição. Três estudantes paraibanas reivindicam a produção da música. Elas teriam feito o hit durante uma viagem à Disney, em Orlando, nos Estados Unidos. Em outra viagem, a Porto Seguro, na Bahia, alegam ter cantado a música, rapidamente aprimorada por dois cantores baianos. Os músicos profissionais autorizaram Michel Teló a gravar a canção – mas as jovens estudantes ficaram de fora do processo.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta