Bom Jardim Notícias.com

O Medo de Servir

O Medo de Servir

Servir é palavra que origina o substantivo serviço. Servir é estar a serviço de alguém. Seja servindo a pátria nas forças armadas, a empresa com a mão-de-obra ou ainda servindo num experimento cientifico como uma cobaia. É interessante que a palavra servir também é utilizado para roupas, no caso de alguém provar uma roupa na loja é perguntado: Serviu a roupa?

Na era feudal o sistema era estruturado socialmente com quatro classes: o senhor feudal, o clero, os vassalos e os servos da gleba (espécie de vilarejo).

Os servos eram extremamente explorados e mal tratados, eles trabalhavam em troca de proteção, moradia e alimentação. Juravam fidelidade aos seus senhores. Os tempos feudais passaram e vivemos um novo tempo, que continuamos servindo algum ofício, não de forma exploratória, mas como atividade para nossa própria sobrevivência, agora no sistema capitalista.

Quando falamos do reino de Deus, remetemos nossos pensamentos à estrutura do feudalismo, onde Deus é o Senhor e aqueles que se submetem a sua vontade, são os servos. No entanto a condição para servir a Deus é diferente, não é nada parecida com o feudalismo.

Primeiro porque o Senhor não explora o nosso trabalho. Segundo porque nos não trabalhamos como escravos, mas como filhos. E filhos são herdeiros.

Talvez a grande dificuldade de alguns servirem ao Senhor está justamente neste ledo engano que não poderão ser livres. Afinal, escravos não desfrutam da liberdade.

Disse Jesus: “Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres” ( João 8:36).

Ora, servir ao Senhor é viver para o Reino de Deus, um reino invisível, úanico e atemporal. O que se pode levar para o reino de Deus? Apenas as vidas conquistadas para ELE. Isto são os tesouros eternos.

Logo após Jesus ensinar a oração do Pai-nosso ele disse: “Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam. Mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam nem roubam” (Mateus 6:19-20).

Para servir ao Senhor precisa entender a nova configuração de tesouro e riqueza para Deus. Não é o servir para acumular as boas obras, isto também não fará diferença, apesar de ser natural que o cristão pratique as boas obras. É muito mais que isso! É viver aqui como se estive pronto para viver lá, com Ele, na eternidade.

Saibam que o próprio Deus nos vê de uma forma muito próxima, muito intima. O apóstolo Paulo define bem em Gálatas 4:7, ”Assim que já não és mais servo, mas filho; e, se és filho, és também herdeiro de Deus por Cristo”.

Experimente Servir o Mestre amado.

Ezequias Anacleto é colunista, jornalista, professor e principalmente um servo que luta pelo evangelho vivo de Cristo manifestado em nossas vidas!
Ezequias.anacleto@gmail.com

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta