Bom Jardim Notícias.com

As marcas do vandalismo contra o Recife

As marcas do vandalismo contra o Recife


Tauan Saturnino
Da equipe do blog

Após uma noite de vandalismo e violência ainda era possível ver, na tarde desta quinta-feira (22), as marcas da depredação provocada por vândalos infiltrados nas manifestações em prol do passe livre estudantil. Na Rua do Príncipe, onde um ônibus foi incendiado, era possível observar uma mancha escura e marcas que, aparentemente, seriam restos da borracha dos pneus queimados.

Alguns quarteirões depois, próximo ao Parque Treze de Maio, duas crateras no chão indicavam os locais onde se encontrava uma das estações do projeto Porto Leve, iniciativa do Porto Digital para melhorar a mobilidade urbana oferecendo aluguel de bicicletas. Na noite do vandalismo, a estação foi depredada e as bicicletas inutilizadas.

As vidraças do Cinema São Luiz, nas quais ficavam os pôsteres dos filmes em cartaz, foram todas destruídas. Os responsáveis pelo cinema disseram que os vândalos só não quebraram as portas de vidro do local porque se sentiram acuados pelo segurança do cinema.

O local mais emblemático atingido pela fúria dos vândalos foi o prédio-sede da Câmara de Vereadores do Recife. A guarita dos seguranças teve os vidros estraçalhados por pedradas.

Ainda é possível observar buracos nas janelas do Legislativo Municipal, resultado das pedradas, além de manchas negras causadas por bombas caseiras feitas com balões cheios de líquido inflamável que foram arremessadas contra o prédio.

Magno Martins

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta