Bom Jardim Notícias.com

Ortopedista ensina a prevenir lesões

Ortopedista ensina a prevenir lesões

Quer correr despreocupado e livre de possíveis lesões que possam comprometer seus treinos? Ortopedista ensina como preveni-las

O maior dilema do corredor é, sem dúvida, o aparecimento de lesões. No auge da preparação para aquela prova importante, a pobre vítima é acometida por dores indesejáveis. Mas, o que fazer para evitar as temidas lesões, causadas geralmente pelo impacto repetitivo ou desajustes posturais? Rogerio Teixeira da Silva, doutor em ortopedia e medicina esportiva pela Unifesp, membro do Núcleo de Ortopedia do Hospital Samaritano (SP) e presidente do Núcleo de Estudos em Esporte e Ortopedia (NEO), responde:

prevenir lesões

“O corpo é capaz de absorver e dispersar o impacto gerado pela corrida, desde que a adaptação ao esporte ocorra de forma gradual. Para que ele fique mais preparado para essa atividade, o treinamento deve gerar estímulos cada vez mais intensos na estrutura corporal. Se o estímulo gerado excede a capacidade de o organismo se recuperar, o corredor estará sujeito a lesões. E para que elas não surjam, algumas atitudes preventivas podem ser tomadas, como, além de correr, também seguir um programa de treinamento que envolva alongamento e fortalecimento muscular, principalmente de tronco, dos membros inferiores e da musculatura ao redor do joelho e do quadril.

Isso é importante porque alguns fatores aumentam a possibilidade de o atleta se machucar, como erros no treinamento – responsáveis por 60% das lesões que acontecem durante a corrida –, mau alinhamento dos membros inferiores, fraqueza muscular e pouca flexibilidade. Mas, se você se preocupa com os treinos, o seu corpo fica mais forte e consegue se recuperar mais rapidamente dos impactos sofridos. Além de apostar no fortalecimento muscular, você também deve seguir outras regrinhas: evite aumentar o volume de treinos repentinamente, não faça muitas provas de longa distância por ano se não estiver treinado para isso, caso não seja acompanhado por um técnico, não corra mais de 50k por semana – a partir disso, a incidência de lesões aumenta –, use um tênis adequado para o seu tipo de pisada e troque-o a cada 600 km.

Se esses cuidados não forem tomados, muito provavelmente em algum momento você poderá sentir dores próximas das articulações, as quais não vão melhorar apenas com o repouso. Especialmente importantes, e que podem causar problemas crônicos, são as dores no calcanhar, na parte da frente da canela e na região da frente do joelho. Agora, se você já se lesionou e está tentando voltar a correr nas ruas, aí vai uma dica: o que mais evita lesões é o aumento da absorção de impacto. Por isso, corra na esteira antes de voltar a sua rotina normal de treinos para que o seu corpo se adapte novamente ao esporte.”

Fonte: http://www.sportlife.com.br/corrida/ortopedista-ensina-prevenir-lesoes/ – por Amanda Preto – Foto: iStock

Compartilhar

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta