Bom Jardim Notícias.com

Uso inadequado de antibióticos dá origem a Superbactérias

Uso inadequado de antibióticos dá origem a Superbactérias

As superbactérias são o resultado do uso incorreto de antibióticos que levam à mutações genéticas tornando-as resistentes a estes medicamentos. Infelizmente até mesmo os antibióticos mais fortes como os carbamínicos, não tem qualquer efeito sobre as superbactérias, que acabam sendo de difícil controle, podendo levar muitos à morte.

A bactéria Klebisiella Pneumoniae, conhecida pela sigla KPC, é um exemplo de superbactéria, que é capaz de resistir à maior parte dos antibióticos existentes, provocando sintomas como febre alta, dificuldade para respirar e infecções recorrentes, sendo potencialmente fatal.

Outros exemplos de superbactérias são E. Coli e Pseudomonas aeruginosa, que também são de difícil controle. Normalmente a KPC está restrita aos hospitais, mas esta superbactéria já foi encontrada em locais públicos o que coloca todos em risco.

Uso inadequado de antibióticos dá origem a Superbactérias

Sintomas causados pela superbactéria

Os sintomas variam de acordo com a bactéria presente e normalmente os médicos não suspeitam de uma superbactéria, até que o tratamento que habitualmente é realizado deixa de ser eficaz, proporcionando aumento da multiplicação deste micro-organismo no corpo e aumento da gravidade da doença.

Para saber que se trata de uma superbactéria deve ser feito o diagnóstico através de um exame chamado antibiograma, que é capaz de identificar qualquer bactéria no organismo, indicando também os remédios mais indicados e os que não tem nenhum efeito.

Formas de contaminação com a SuperbactériaFormas de contaminação com a Superbactéria

Tratamento contra Superbactéria

O tratamento contra a superbactéria deve ser feito no hospital com injeções de uma combinação de antibióticos, diretamente na veia para combater as bactérias e evitar o surgimento de outras infecções.

Por vezes é necessária a combinação de mais de 20 antibióticos diferentes para controlar a superbactéria, mas existem chances de cura.

A infecção com uma superbactéria pode ser difícil de alcançar pois existem poucos antibióticos capazes de a eliminar. Normalmente a pessoa precisa ficar internada por semanas ou meses, tendo que tomar uma combinação de diversos antibióticos para controlar a infecção.

Durante o tratamento o paciente fica isolado e as visitas devem ser restritas, sendo necessário usar roupa, máscara e luvas para evitar contaminar outros.

Como usar o antibióticos corretamente

Para usar os antibióticos corretamente evitando o desenvolvimento de superbactérias é importante só tomar antibióticos quando forem receitados pelo médico, e pelo tempo e dose recomendados por ele mesmo que os sintomas desapareçam antes.

Esse cuidado é um dos mais importantes porque quando os sintomas começam a diminuir, as pessoas deixam de tomar o antibiótico e assim as bactérias ganham mais resistência aos medicamentos, colocando todos em risco.

Outro cuidado importante é só comprar antibióticos com receita médica e quando ficar curado, levar o resto do medicamento que sobrou para a farmácia, não jogando as embalagens no lixo, no vaso sanitário, nem na pia da cozinha para evitar a contaminação do meio ambiente, que também faz com que as bactérias se tornem mais resistentes e mais difíceis de curar.

Compartilhar

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta