Bom Jardim Notícias.com

Vantagens e desvantagens do DIU

Vantagens e desvantagens do DIU

Entre os diferentes métodos contraceptivos existentes, um deles é o dispositivo intrauterino, que consiste em uma estrutura de plástico com formato de T que é colocada dentro do útero. O seu uso é eficiente para evitar uma gravidez indesejada, além de existir outros pontos favoráveis. É importante também conhecer quais são os seus riscos. Portanto, para saber todas as vantagens e desvantagens do DIU, veja as informações reunidas sobre o assunto pelo umComo.com.br.

Quais são as vantagens de usar DIU

Para evitar uma gestação indesejada, o DIU – dispositivo intrauterino funciona evitando a chegada dos espermatozoides nas trompas. Isso acontece porque o útero reage ao DIU como a um corpo estranho, o que desencadeia uma reação inflamatória, que prejudica tanto a movimentação dos espermatozoides quanto a fertilização e o transporte do óvulo. Além do DIU de plástico revestido de cobre ou cobre e prata, existe o DIU hormonal, que funciona liberando hormônios, atrapalhando ainda mais a fecundação do óvulo.

Quanto às vantagens do DIU, além de prevenir uma gravidez indesejada, é um método bastante simples, se comparado a outras formas de métodos anticoncepcionais, como o anticoncepcional oral, uma vez que não exige que a mulher se lembre de, todos os dias, tomar a pílula, o que para muitas é um hábito difícil de desenvolver. Porém, apenas um ginecologista pode colocar e tirar o dispositivo, o que é feito, de preferência, nos primeiros 12 dias do ciclo menstrual.

Uma mesma peça pode permanecer no útero de cinco a 12 anos. No entanto, outra vantagem do método é que ele pode ser retirado em qualquer momento, desde que a mulher queira, o que pode acontecer se ela decidir que deseja engravidar. Além disso, outro benefício do DIU está no fato dele não contar com as reações adversas que as mulheres que fazem uso da pílula estão sujeitas devido aos hormônios que ela contém.

Quais são as vantagens de usar DIU

Quais são as desvantagens de usar DIU

O uso do DIU também possui desvantagens e, por isso, antes de escolher optar por ele é importante conversar com o seu médico para que juntos seja avaliada a melhor forma para a mulher evitar uma gestação. Entre as desvantagens, está o risco da mulher que usa o dispositivo ter anemia, em decorrência do aumento do fluxo menstrual que pode ocorrer ao usar esse método. O que também pode aumentar é a intensidade das cólicas típicas da menstruação. Mais sangue e dor podem acontecer ainda fora dos períodos menstruais.

Embora possa ser considerada até mesmo uma vantagem para algumas mulheres, é possível que ao usar o DIU por períodos longos a mulher tenha uma grande redução ou mesmo cessão total do fluxo de sangue durante a menstruação. O método também pode causar desconforto durante o sexo, mas isso não é muito comum. Além disso, em alguns casos a mulher pode se tornar estéril e, assim, não poderá ser mãe caso queira.

Um risco existente, mas também pouco comum, é o da mulher ter infecções uterinas. Por outro lado, se a mulher contrair uma doença sexualmente transmissível há um risco maior do problema evoluir para um quadro mais grave. Por conta disso, é importante lembrar que assim como alguns outros métodos contraceptivos, como a pílula, o DIU não previne as DST’s e, desse modo, é de extrema necessidade usar preservativo em todas as relações sexuais para evitar uma contaminação.

Compartilhar

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta