Bom Jardim Notícias.com

Em menos de 8 meses, PE já tem mais assaltos a carro-forte do que 2016

Em menos de 8 meses, PE já tem mais assaltos a carro-forte do que 2016
Pernambuco tem apresentado números alarmantes em relação à falta de segurança. Essa violência pode ser verificada em assaltos e explosões contra veículos de transportes de valores. Somente nesta semana, houve três explosões contra carros-fortes, deixando três vítimas fatais. Situação que só piora quando compara-se o registro anual. Até agora, faltando mais de 4 meses para acabar o ano, foram apontados 12 assaltos no estado em 2017. Em todo o ano de 2016, foram registrados nove investidas com essa característica no estado. Pernambuco ficou atrás apenas de São Paulo, que calculou 17 investidas.

Este ano, os municípios alvo dos criminosos foram:

Sertão: Terra Nova (duas vezes), Cabrobó, Petrolina, Verdejante, Santa Maria da Boa Vista, Serra Talhada;

Agreste: Caruaru, Bonito, São Caetano, São Bento do Una.

Região Metropolitana do Recife: Cabo de Santo Agostinho

De acordo com o Sindicato dos Vigilantes de Transporte de Valores e Escolta Armada de Pernambuco (Sindifort), neste ano foram registrados 12 investidas aos veículos de transporte de valores no estado de Pernambuco. Os carros-fortes possuem blindagem nível 5 e não são capazes de deter os armamentos usados pelos criminosos, de nível militar. O sindicato ainda informou que estão sendo realizadas denúncias sobre essas ações à Polícia Federal.

Na manhã desta sexta-feira (18), ocorreu a investida mais recente à empresa de transporte de valores e segurança privada Preserve. Um carro-forte foi assaltado e explodido na PE-365 entre os municípios de Serra Talhada e Santa Cruz da Baixa Verde, no Sertão. Até agora, sabe-se de uma vítima fatal, e a princípio a polícia teria identificado como um suspeito da ação. Veja o vídeo abaixo:

Um outro carro-forte foi explodido nessa quinta-feira (17), na PE-428, entre os municípios de Lagoa Grande e Santa Maria da Boa Vista, também no Sertão do estado. Os suspeitos estavam armados com fuzis e ninguém ficou ferido na ocorrência.

Já na terça-feira (15), outro carro-forte foi alvo da ação de criminosos, dessa em São Bento do Una, no Agreste do estado. A ocorrência foi registrada na PE-180. Oito homens participaram da investida com armas de grosso calibre. Após levarem os malotes de dinheiro, o carro-forte foi explodido. Eles atiraram contra três pessoas e duas das vítimas não resistiram aos ferimentos. O vigilante Roberto Ferreira Lira, 31, que dirigia o veículo, morreu na quinta-feira (18).

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta