Bom Jardim Notícias.com

Sport perde em roteiro repetido de apatia dos últimos jogos na Série A

Sport perde em roteiro repetido de apatia dos últimos jogos na Série A

A nova derrota do Sport na Série A do Campeonato Brasileiro, desta vez para o Flamengo, no Rio de Janeiro, trouxe uma dura realidade que vai muito além da sequência de sete jogos sem vencer na competição ou da aproximação do Z4, agora a diferença é de apenas dois pontos. O resultado negativo mostrou também um roteiro de apatia dos últimos jogos, prova que o Leão precisa fazer muito mais se quiser voltar a vencer na competição. Com um futebol pobre como o deste domingo, será muito difícil conseguir vitórias e consequentemente evitar a briga contra o rebaixamento. Guerrero e Éverton Ribeiro marcaram os gols dos donos da casa na vitória por 2×0.

O lado “bom” é que a rodada ainda vem ajudando o Sport. Assim, mesmo a apenas dois pontos do Z4, o time segue em 12º, com 29. O Flamengo entrou no G4 com 38. As duas equipes agora voltam a campo na próxima quarta-feira, pela Sul-Americana. O Leão encara a Ponte Preta, em Campinas, enquanto o Urubu enfrenta a Chapecoense, em casa. Pela Série A, os dois rubro-negros jogam como mandantes na próxima rodada, contra Vasco e Avaí respectivamente.

VALEU PELA VIAGEM E SÓ

Se o Sport foi para o Rio de Janeiro em busca de uma vitória que o deixaria mais perto do G6 do Brasileirão, setor que da classificação que qualifica para a Copa Libertadores do ano que vem, esse pensamento ficou apenas no discurso. Isso porque dentro de campo o que se viu foi uma equipe bastante apática em campo, com poucos momentos de inspiração para atacar e com uma marcação bastante frágil no gramado. A verdade é que o Leão foi quase um expectador dentro das quatro linhas. A ida para o Rio valeu apenas pela viagem mesmo, e olhe lá.

Sport, Flamengo
Foto: Gilvan de Souza/Divulgação

Enquanto isso, o Flamengo, que não tinha nada a ver com a apatia dos visitantes, tentou impor seu jogo. Foi para cima nos primeiros minutos e conseguiu logo o seu gol com Guerrero. Poderia até ter imposto um ritmo mais forte na partida e ampliado o placar, mas como o Sport demonstrou pouco força de reação, para não dizer nenhuma, mais administrou do que se arriscou. Ainda assim, sobrou em campo e criou mais chances de perigo. Fez o feijão com arroz apenas para garantir a vitória.

A situação dos pernambucanos ficou ainda mais delicada com a expulsão do volante Patrick, que recebeu o vermelho por reclamação. Nem precisou ser gênio para saber que a partida tinha acabado ali para as duas equipes, afinal se já era difícil criar algo eficiente com 11 contra 11 imagina com um a menos.

CHUTE CERTO SÓ COM PESSOAL DE TRÁS

Para o torcedor ter uma noção de como o Sport foi ineficiente em campo, as finalizações certas do time vieram apenas com o pessoal de trás. Wesley, Patrick e Raul Prata foram os únicos a acertar a meta de Muralha. Por outro lado, nomes como André e Rogério passaram longe de levar algum perigo.

FICHA DA PARTIDA – FLAMENGO 2X0 SPORT

Flamengo: Alex Muralha; Pará, Réver, Rodolfo e Trauco; Willian Arão (Berrío), Márcio Araújo e Diego (Lucas Paquetá); Everton Ribeiro, Gabriel (Cuéllar) e Guerrero. Técnico: Reinaldo Rueda.

Sport: Magrão; Raul Prata, Ronaldo Alves, Durval e Mena; Rithely (Anselmo), Patrick e Wesley; Lenis (Thallyson), Osvaldo (Rogério) e André. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Série A (23ª rodada). Local: estádio Luso Brasileiro, Rio de Janeiro (RJ). Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo (SP). Auxiliares: Marcelo Carvalho Van Gasse e Herman Brumel Vani (ambos de SP). Gols: Guerrero (F) aos 8 minutos do 1º tempo; Éverton Ribeiro (F) aos 48 do 2º. Cartões amarelos:Rithely (S), Wesley (S) e Patrick (S) Cartão Vermelho: Patrick (S). Público: 9.029.

http://blogs.ne10.uol.com.br/torcedor

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta