Bom Jardim Notícias.com

Candidíase: O que é? Como Tratar?

Candidíase: O que é? Como Tratar?

A infecção da vagina ou da vulva pelo fungo cândida se chama “vulvovaginite por cândida”, mais conhecida e mais fácil de pronunciar, candidíase.

Essa infecção pode estar na vagina ou na vulva.

Vou falar aqui para você várias informações sobre a Candidíase, mas se você estiver percebendo algo parecido no seu corpo ou no corpo da sua parceira, vale sempre uma avaliação médica.

Só para gente cuidar ao tirar uma conclusão sem fazer os exames corretos. Ok?

De que forma ocorre a Candidíase?

Explico para você da forma mais simples possível: O fungo cândida é uma flora oportunista, ou seja, ela aproveita a oportunidade e acaba crescendo onde há a eliminação de bactérias no mesmo local, no mesmo sítio de habitação, pelo simples fato que bactérias e fungos são inimigos e competidores por substrato de sobrevivência, disputam o mesmo alimento.

Ou seja, se bactérias importantes do seu corpo são eliminadas, o fungo toma conta.

Exemplos clássicos que aumentam a chance da Candidíase ser desencadeada

  • Uso de antibióticos (remédios que matam bactérias), os fungos podem se proliferar,
  • Doenças que exigem uso de corticóides,
  • Doenças que baixam a imunidade como a SIDA (Aids),
  • Diabetes,
  • Internações hospitalares prolongadas e intensivas,
  • Uso de sabonetes bactericidas,
  • Baixa imunidade,
  • Uso de amaciantes de roupa, sabonetes perfumados, papel higiênico perfumado, absorventes perfumados, higiene íntima com sabonetes perfumados, lavar roupa íntima com sabonetes em barra perfumados, também podem desencadear a candidíase.

Mas claro, existem mais fatores que podem ajudar a desencadear uma infecção por cândida, estes que citei acima são alguns deles.

Alimentos que incentivam a proliferação da Cândida

Alimentos que incentivam a Cândida

Existem alguns alimentos que incentivam a proliferação da cândida.

Tudo que na composição levar fermento (que são fungos) como pães, queijos e alimentos contaminados com bolor, incentivam a cândida.

Claro, depende também da imunidade de cada pessoa. Mas em geral estes influenciam.

Stress, cansaço, podem incentivar a Cândida

Stress e cansaço certamente influenciam no aumento da cândida.

Se você estiver sentindo isto fique atenta porque estes fatores emocionais diminuem os leucócitos, também conhecidos como glóbulos brancos, que são células que combateriam a flora oportunista dos fungos.

Sintomas da Candidíase

  • Dor na vagina ou na vulva,
  • Coceira (prurido vaginal e vulvar),
  • Ardência,
  • Dor durante a relação sexual, (veja as causas psicológicas da dor no sexo)
  • Corrimento branco, sem cheiro que imita ricota granulada,
  • Eventualmente há pus colorindo essa secreção dando uma cor em tom verde.

Só mulheres têm Cândida?

Não somente mulheres, homens também podem ter, mas também qualquer pessoa que usa antibióticos para eliminar uma infeção, inclusive meninas virgens e crianças são suscetíveis a candidíase.

Local de infecção na mulher: O fungo cândida pode se multiplicar e agredir a pele da vulva, causando vulvite e edema de vulta incluindo mucosa vaginal.

CANDIDÍASE NO HOMEM

Locais afetados pela cândida nos homens: A cândida precisa de umidade e calor e é bastante frequente habitar a pele do períneo próximo dos testículos dos homens.

Causa lesão de pele eritomatosa (vermelha) com borda serrilhada. Nesse caso, o homem deve eliminar o fungo da pele para não voltar a passar a infecção na parceira, ou parceiro.

Candidíase em homens

Tratamento da Candidíase

Para um bom tratamento que vai resolver a sua candidíase, você deve saber estas informações:

  • Saber exatamente que tipo de fungo está presente,
  • A quantidade presente destes fungos,
  • Que medicamentos você faz uso,
  • Hábitos desde alimentação até hábitos de comportamento ex: stress que você tenha, podem alimentar a cândida.

Por isso falo para você, se algum destes sintomas estiverem aparecendo, busque a solução, a consulta a um(a) ginecologista para avaliar todas estas questões é sempre indicada.

Medicamentos

  • Antifúngicos,
  • Nistatina,
  • Anfotericina B,
  • Radiação ultravioleta,
  • Iodo povidine,
  • Hipoclorito de sódio (para usar em roupas e toalhas de banho),
  • Violeta de genciana,
  • Creme vaginal e medicações, pode-se tomar e aplicar no próprio corpo,
  • Higienizar adequadamente. Assepsia de roupas e locais de provável fonte de infecção,
  • Alcalinizadores como bicarbonato de sódio são bons aliados.

Solução definitiva para a Candidíase

Se você pensa em solucionar, saiba que a Candidíase tem solução, desde que o problema for tratado com o antifúngico correto.

Nós médicos e médicas ginecologistas estamos aqui para lhe atender e lhe orientar se você precisar. Não sofra com a candidíase, isto tem total e absoluta solução.

Medicina Ginecologista – Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Residência Médica Hospital Femina de Porto Alegre. Título de Especialista em Ginecologia e Osbstetrícia. Ultrassonografia em Ginecologia e Obstetrícia. Videolaparoscopia em Ginecologia e Obstetrícia pela Febrasgo e Sociedade Brasileira de Cirgurgia minimamente Invasiva (Sobrasil). CRM: 5698

Artigos Relacionados

1 Comentário

  1. Matilde Fonseca
    14 de outubro de 2017 às 10:13 Responder & darr;

    Realmente a candidíase é uma doença horrível, mas graças a Deus ela é tratável. Existem um método vencendo a candidíase comprovado cientificamente sem dor e sem sofrimento, tudo de forma natural. para fazer no conforto da sua casa. Parabéns pelo artigo.

Deixe uma resposta