Bom Jardim Notícias.com

Santa perde em casa para o América/MG e se afunda no Z4

Santa perde em casa para o América/MG e se afunda no Z4
Novo tropeço e situação desesperadora. O Santa Cruz voltou a perder no Campeonato Brasileiro da Série B e completou quatro jogos sem vencer (duas derrotas seguidas e dois empates). Desta vez foi derrotado para o América/MG, que venceu por 1×0, neste sábado (7), no estádio do Arruda, e retomou o posto de vice-líder. Com o revés sofrido, a Cobra Coral segue na 18ª colocação, com 29 pontos, mas a cinco de distância para o Luverdense/MT, primeiro time fora de zona de rebaixamento. O próximo compromisso será um confronto direto contra o Figueirense/SC (17º lugar), no dia 14 de outubro, no estádio Orlando Scarpelli, em Santa Catarina.

Velocidade e pressão coral nos primeiros dez minutos. Sufocou os mineiros com duas boas chegadas, a primeira delas com João Paulo, que aproveitou um passe primoroso de Grafite e finalizou bem com a perna esquerda, mas parou na defesa do goleiro João Ricardo. Em seguida, Yuri jogou a bola na área e Grafite deu uma cabeçada de centroavante por cima do gol. As ações foram equilibradas pelos visitantes. Reagiram e chegaram ao ataque duas vezes: Luan chutou de longe e mandou para fora e logo depois, em novo contra-ataque, Luan recebeu um cruzamento de Noberto e cabeceou a bola nas mãos de Julio César, bem posicionado no meio do gol.

Com dificuldades para atacar, o Santa era neutralizado pela marcação adversária, porém conseguia ser mais veloz, diferentemente dos mineiros, que apostaram nos contragolpes e adotaram uma postura mais cautelosa. Para vencer a impaciência e a cobrança da torcida, o meio de campo coral tentava acelerar o jogo, mas errava no último passe. As equipes desceram para o intervalo com o placar de 0x0.

O América/MG começou a etapa complementar assustando. Logo no primeiro minuto, a zaga coral se atrapalhou e a bola sobrou para Bill. O atacante bateu rasteiro e Júlio César apareceu bem para evitar o que seria o gol. A equipe comandada por Enderson Moreira tomou a iniciativa, no entanto não conseguiu manter o ritmo mais acelerado. Sem ímpeto ofensivo, Martelotte promoveu duas mudanças: os atacantes Bruno Paulo e Ricardo Bueno entram nas vagas de André Luís e Grafite, respectivamente.

As alterações fizeram o Santa Cruz melhorar no confronto. Tanto é que aos 25 minutos Thiago Primão cobrou uma falta e Anderson Salles cabeceou para as redes, mas o gol foi invalidado de forma equivocada. Sete minutos depois, um duro golpe no Arruda. Matheusinho tabelou com Renan Oliveira e acertou um lindo chute de fora da área, sem chances para o goleiro Júlio César.

Os corais sentiram o gol, assim como a torcida, e não conseguiram sequer esboçar uma reação para pelo menos empatar a partida. Sem sofrer perigos e bem postado defensivamente, o Coelho administrou o resultado e saiu com a vitória pelo placar de 1×0.

FICHA DO JOGO 
Santa Cruz 0
Júlio César; Nininho, Guilherme Mattis, Anderson Salles e Yuri; Wellington Cézar (Natan), Derley e Thiago Primão; André Luís (Bruno Paulo) Grafite (Ricardo Bueno) e João Paulo. Técnico: Marcelo Martelotte.
América/MG 1
João Ricardo; Noberto (Ceará), Messias, Rafael Lima e Pará, Juninho, Ernandes, Ruy (Renan Oliveira) Matheusinho (Zé Ricardo); Bill e Luan. Técnico: Enderson Moreira
Local: estádio do Arruda, no Recife
Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (SP)
Assistentes: Alberto Poletto Masseira e Evandro de Melo Lima (ambos de SP).
Gol: Matheusinho (aos 32min 2T)
Cartões amarelos: Derley (Santa Cruz); Noberto, Matheusinho e Pará (América/MG)
Público: 9.803
Renda: R$ 54.775,00
http://www.folhape.com.br/esportes

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta