Bom Jardim Notícias.com

Médicos aconselham: Se você está com diarreia, jamais tome remédios que prendem o intestino, como o Imosec

Médicos aconselham: Se você está com diarreia, jamais tome remédios que prendem o intestino, como o Imosec

A diarreia é caracteriza por aumento na frequência das evacuações por dia, as quais acontecem com fezes bem amolecidas ou líquidas, que muitas vezes causam urgência para ir ao banheiro e dor abdominal. Infecções bacterianas ou virais, intolerância alimentar ou até mesmo ingestão de alimentos estragados podem ser causas da disfunção gastrointestinal que, em casos graves, pode levar a um caso de desidratação.

O gastroenterologista Eduardo Berger, do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, em São Paulo, explica que qualquer alteração nas funções fisiológicas, como na consistência das fezes, é sinal de que algo não vai bem com nossa saúde.  Os especialistas são unânimes em recomendar que  medicamentos para conter a diarreia como Imosec (cloridrato de loperamida) , por exemplo, porque em alguns casos a diarreia é uma tentativa do corpo de expulsar algum micro-organismo nocivo no sistema digestório.

Dr. Eduardo Berger, explicou no site do Uol que existem casos em que a diarreia é causada por água ou comida contaminada, o uso de antidiarreicos sem orientação médica para obter o chamado “efeito rolha” é absolutamente contraindicado. Este medicamento funciona como diminuidor do ritmo da digestão e permite que o intestino delgado passe mais tempo com os nutrientes parados para facilitar a absorção. Mas se há um micro-organismo patogênico, ele precisa ser eliminado.

O QUE FAZER, ENTÃO?

A recomendação do especialista é que seja feita uma hidratação intensiva, afim de repor a água perdida nas fezes e evitar desidratação. Além disso, recomenda-se uma pausa alimentar até que a consistência das fezes volte ao normal, o que costuma ocorrer em 24 horas.

Para repor líquido, regular a digestão e garantir consistência às fezes, a pessoa deve ingerir chás, sopa de legumes, arroz, macarrão, torradas, bolacha água e sal, maçãs sem casca, banana-prata, limão, carnes magras sem gordura e gelatina. Para beber, tome sucos, água de coco, bebidas isotônicas e água filtrada.

Além disso, existem os probióticos, como o Floratil, o Flomicin ou o Florent, que, mesmo não sendo classificados de antidiarreicos, ajudam a restabelecer a flora intestinal e acabar com a diarreia de uma forma mais natural.

Fique atento: diarreias que se repetem com frequência podem sinalizar outros problemas de saúde, por isso é bom não desprezar o sintoma.

UOL / TUASAUDE / VIX

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta