Bom Jardim Notícias.com

Sport perde para o lanterna e não demonstra mínima reação na Série A

Sport perde para o lanterna e não demonstra mínima reação na Série A

Por si só, a derrota por 2×0 para o lanterna Atlético-GO é para deixar qualquer torcedor do Sport preocupado, afinal o resultado negativo faz o time precisar de três vitórias nos últimos quatro jogos para escapar com segurança do rebaixamento na Série A do Brasileiro. Mas como se isso não fosse o suficiente, há a apatia da equipe, que não tem a mínima organização em campo e parece aceitar passivamente que irá cair de divisão no fim do campeonato. Assim, fica difícil que a torcida realmente acredite na fuga do Leão da queda. O mais novo revés veio fora de casa, neste domingo, com dois gols de Diego Rosa. Foi a nona derrota dos rubro-negros no segundo turno.

Com esse resultado, os leoninos seguem na zona de rebaixamento, em 17º com 36 pontos. Os goianos estão na lanterna com 30 e adiam o rebaixamento antecipado. Na próxima rodada, o Sport segue seu doloroso caminho na partida contra o Palmeiras, terceiro colocado com 57, fora de casa. O Dragão, encara o Botafogo, também longe dos seus domínios.

A BOLA SOFREU

Se existe uma certeza que será praticamente unanimidade para quem viu o jogo é que a bola sofreu em campo com as duas equipes. Com Dragão e Leão brigando contra o rebaixamento era até natural que o nível técnico do confronto não fosse lá essas coisas, mas tanto os donos da casa como os visitantes abusaram do direito de errar no gramado. Tanto que os goleiros foram meros coadjuvantes, sem grande destaque na partida.

No caso do Sport, as falhas foram várias, da defesa ao ataque. Durante os 90 minutos, o Leão foi um time sem a mínima organização para criar. Não raro era ver a equipe saindo com chutões ou lançamentos, sem um passe mais qualificado pelo meio. Isso sem falar na repetição da jogada que os rubro-negros mais gostam de fazer: os cruzamentos. Foram mais de 40 ao todo.

Já na defesa os erros nem foram tão gritantes, até porque o Atlético-GO não ofereceu tanto perigo. Mas nas únicas vezes que o adversário chegou com qualidade, a zaga rubro-negra ficou olhando. A bobeira custou muito caro: os gols do Dragão. Em jogo com tão poucas chances, acabou sendo decisivo. Pior para os visitantes, que mereceram a derrota.

FICHA DA PARTIDA – ATLÉTICO-GO 2X0 SPORT

Atlético-GO: Kléver; Marcão Silva, Gilvan (Eduardo), William Alves e Breno Lopes; André Castro, Igor, Andrigo (Jefferson Nem) e Jorginho (Silva); Diego Rosa e Andrigo. Técnico: João Paulo Sanches.

Sport: Magrão; Samuel Xavier, Ronaldo Alves, Néris (Igor) e Sander; Anselmo (Marquinhos), Patrick e Rithely; Osvaldo, Rogério (Lenis) e André. Técnico: Daniel Paulista.

Série A (34ª rodada). Local: estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia (GO). Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP). Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (ambos de SP). Gols: Diego Rosa (A) aos 42 minutos do 1º tempo e aos 30 do 2º. Cartões amarelos:Néris (S) e Osvaldo.

http://blogs.ne10.uol.com.br/torcedor

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.