Bom Jardim Notícias.com

Com gol relâmpago e falhas defensivas, Sport perde por 3×0 em estreia

Com gol relâmpago e falhas defensivas, Sport perde por 3×0 em estreia

O Sport sofreu um gol no primeiro minuto, e cedeu outros dois ainda na etapa inicial, na derrota para o América-MG

 O Sport foi derrotado por 3x0 para o América-MG / Foto: América-MG/ divulgação
O Sport foi derrotado por 3×0 para o América-MG
Foto: América-MG/ divulgação
Thiago Vieira
Blog do Torcedor

O Sport foi até Belo Horizonte para enfrentar o América-MG na estreia pelo Campeonato Brasileiro Série A. O Leão, no entanto, foi surpreendido com um gol na primeira jogada do oponente, aos 44 segundos da primeira etapa, marcado por Serginho. Sem forças para reagir, o Rubro-negro falhou outras duas vezes, gerando o gol de Carlinhos e outro tento de Serginho, tudo na etapa inicial. No segundo tempo, os pernambucanos até melhoraram, mas não conseguiram mudar o placar. O próximo desafio é diante do Botafogo, no dia 23, na Ilha do Retiro. Já a equipe mineira visita o Flamengo, sábado (21), no Maracanã.

Gol relâmpago e baile do América

Não demorou muito tempo para a ansiedade com a estreia do Sport na Série A deste ano dar lugar à preocupação. Logo no primeiro lance, o América-MG conseguiu subir pelo lado esquerdo e descolar o cruzamento. Após troca de passes de cabeça, a bola sobrou para Serginho, na pequena área, disputar com Agenor e levar a melhor. Aos 44 segundos de jogo, o Coelho abria o placar na Arena Independência.

O Leão tentou continuar com a sua proposta de jogo. Mas não conseguia. Nos poucos momentos de lucidez do time, perto dos vinte minutos, o time conseguia trocar passes e girar a bola. Mas sempre parava quando tentava verticalizar as jogadas, não conseguindo infiltrar ante a marcação. Tanto que a melhor chance rubro-negra veio de um chute de fora da área. Fellipe Bastos recebeu na intermediária e arriscou. A bola passou com perigo no lado esquerdo do goleiro Jory, aos 22 minutos.

Embora já estivesse visível a dificuldade do Sport na partida, e o América se mostrasse mais organizado e consciente, a partida era de poucas chances para os dois lados. Mas isso mudou próximo ao fim da etapa inicial. Aos 37 minutos, em nova jogada pelo lado direito defensivo do Leão, uma jogada que parecia controlada resultou no segundo gol do Coelho. Serginho cruzou, a bola ia na mão do goleiro Agenor, mas ele se atrapalhou com Léo Ortiz e deixou escapar. Carlinhos aproveitou e ampliou.

Sentindo o bom momento, o América aproveitou as chances que teve. Em novo vacilo da defesa do Sport, Serginho se antecipou e arrancou livre até a área do Sport. Sem marcação, ele chutou forte para ampliar, aos 40 da etapa inicial.

Sport volta melhor, mas não consegue reagir

O Sport voltou com outra postura no segundo tempo. O técnico Nelsinho Baptista percebeu que o lado direito do Leão estava fragilizado, e optou por mexer o time no intervalo. O lateral-esquerdo Sander entrou para a saída de Claudio Winck, trazendo assim Raul Prata, lateral-direito de ofício, para a sua posição. O meia Gabriel também foi acionado, no lugar de Ferreira. As mudanças pareceram ter efeito.

O Rubro-negro teve um início de bastante intensidade, e praticamente não deixou o adversário jogar. A melhor chance veio logo aos 3, quando Marlone chutou da entrada da área para a boa defesa de Jory. No rebote, Anselmo deu o passe para Andrigo, que chutou da pequena área para a nova defesa do goleiro do América.

O Sport continou tentando pressionar, e apostava na velocidade. O meia Gabriel dava mais intensidade ao ataque Rubro-negro, e chegou a puxar um contra-ataque que só não foi bem sucedido porque Messias se recuperou e travou o chute de Andrigo. Depois, os donos da casa conseguiram se organizar melhor. A partir dos 20 minutos, começaram a responder com contra-ataques que incomodavam o Leão.

Ao decorrer da partida, o ritmo baixou, dos dois lados. Melhor para o América, que segurou o resultado e pior para o Sport, que terá que tentar se recuperar na próxima rodada.

FICHA DO JOGO: AMÉRICA-MG X SPORT

América-MG: Jory; Norberto, Rafael Lima, Messias e Giovanni; David, Zé Ricardo, Serginho e Luan; Aylon e Rafael Moura. Técnico: Enderson Moreira.

Sport: Agenor; Cláudio Winck (Sander), Ernando, Léo Ortiz e Raul Prata; Anselmo, Ferreira (Gabriel) e Fellipe Bastos (Everton Felipe); Marlone, Andrigo e Hygor. Técnico: Nelsinho Baptista.

Campeonato Brasileiro (1ª rodada). Local: Estádio Independência, Belo Horizonte, MG. Arbitragem: Savio Pereira Sampaio – DF (CBF). Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (CBF) e Ciro Chaban Junqueira (CBF), ambos do DF.Gols: Serginho (A), aos 0′ e aos 40 do 1T e Carlinhos, aos 37 do 1T. Amarelos: Claudio Winck (S), Marlone (S), Raul Prata (S). Público: 8.662. Renda: R$ 36.293,00.

http://jconline.ne10.uol.com.br/

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.