Bom Jardim Notícias.com

Dormir ou fazer exercício: qual é mais importante?

Dormir ou fazer exercício: qual é mais importante?

Muitas vezes a única coisa que o obriga a levantar-se da cama para ir fazer exercício, depois de ter adiado o despertador três vezes, é a culpa. Mas será que dormir não é também crucial?

Ninguém gosta de ouvir o despertador tocar às seis da manhã, muito menos quando está frio e o pensamento de que devia ir correr para queimar o empadão do jantar teima em martelar-lhe a cabeça. Muitas pessoas levantam-se porque são pressionados pelo personal trainer, outras porque não aguentam o peso na consciência. E depois há as que desligam o despertador, viram-se para o lado e continuam a dormir. Mas devem estas pessoas que decidem prolongar o descanso achar que estão a agir mal e a prejudicar o seu corpo?

Dormir ocupa um terço do nosso dia, ou devia, o que desde logo demonstra a importância que tem na nossa vida. Quando se fala em dormir referimo-nos a horas de sono de qualidade, não ao ato de ser preguiçoso e ficar estendido na cama ou no sofá o dia inteiro. Mas tendo em conta a importância da atividade física para a saúde, no que é que ficamos? A News fez essa mesma pergunta e comparou os benefícios de fazer exercício com os de dormir:

Benefícios de se levantar da cama e ir fazer exercício

  • O exercício previne praticamente todas as doenças relacionadas com o estilo de vida sedentário;
  • Ajuda a estimular as hormonas do bem-estar que, por sua vez, ajudam a lidar melhor com o stress do dia a dia;
  • Permite controlar o peso enquanto mantém o metabolismo saudável;
  • Aumenta o movimento do sangue e da linfa no corpo, contribuindo para um sistema imunitário mais saudável e uma melhor distribuição de nutrientes.
  • A atividade física intensa pode manter as hormonas sexuais, aumentar a libido e evitar a disfunção erétil.
  • Exercitar-se às horas certas pode ajudá-lo a dormir melhor.

Benefícios de desligar o despertador e ficar a dormir

  • Dormir tem efeitos semelhantes no corpo ao exercício: é extremamente importante para o balanço das hormonas e para estimular a libertação de endorfinas, as quais melhoram o humor.
  • Há estudos que mostram uma relação entre a falta de sono e um aumento de casos de obesidade, diabetes e ataques cardíacos.
  • As pessoas treinam melhor e mais intensamente quando dormem bem.
  • O sistema imunitário trabalha melhor quando não está com falta de horas de sono. É precisamente durante o sono que o crescimento e a reparação acontecem.
  • Dormir ajuda-o a ganhar músculo após um treino intenso.
  • Além de todas estas vantagens também pode ajudá-lo a manter o seu “encanto”, isto é, a falta de horas de sono é responsável pela diminuição de testosterona nos homens, a qual não só afeta a função sexual mas também o bem-estar.

Resumindo e concluindo, tanto dormir como levantar-se da cama para fazer exercício têm vantagens, o que não pode acontecer é preterir um em detrimento de outro, porque ambos estão ligados e são interdependentes. Ou seja, há dias em que pode tapar a cabeça com os cobertores e continuar na cama, mas há outros em que deve levantar-se e encarar a corrida.
Matéria publicada no site Observador 

http://www.educacaofisica.com.br/

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.