Bom Jardim Notícias.com

Sport perde para o Santos e pode terminar a rodada no Z-4 do Brasileirão

Sport perde para o Santos e pode terminar a rodada no Z-4 do Brasileirão

Com erros de marcação e tomando um gol no primeiro minuto do jogo, o Sport foi derrotado pelo Santos por 3×0 na Vila Belmiro. Esse resultado deixou o Sport podendo entrar na zona da degola do Brasileirão. Com 20 pontos, o Leão só está a frente de Vasco e Santos, ambos ainda jogarão e se vencerem passam o rubro-negro, que entrará no grupo dos quatro piores do campeonato.

Nem deu para respirar

No sorteio o Santos escolheu a saída de jogo. E logo no primeiro minuto fez a bola rodar, primeiro na defesa, passe no meio-campo para a esquerda, virada de jogo com o paraguaio Derlis González que invade a faixa direita cruza para a área, sem combate o costarriquenho deu um leve toque por elevação e a bola sobrou limpa para Eduardo Sasha que abriu o placar, Santos na frente no primeiro minuto de jogo.

Jogo morno

Após o gol, o Santos teve apenas uma chance boa de gol com o paraguaio Derlis González, nada mais para um time que apenas se limitou a roubar a bola ou aproveitar erros de passe do Sport, rondar o ataque. Por falar no Sport, o time rubro-negro só obrigou o goleiro Vanderlei a fazer uma defesa aos 29 minutos, antes disso, apenas brigou para ter a posse de bola.

Gols perdidos

Com o placar na mão o Santos tirou o pé, com lançamentos pontuais, foi tocando a bola no meio-campo tentando envolver o Sport. Quando o Leão não se complicava no ataque com Rogério em tomadas de decisões erradas, sofreu pressão com Deivid, por erros. Aos 33 minutos o volante errou o toque de bola e Gabriel, só não fez o gol porque Magrão saiu para fechar o ângulo e impedir que a bola entrasse.

Na vez do Sport, quatro minutos após esse lance, Rogério fez bela jogada, cruzou e Hernane Brocador com Vanderlei batido mandou para fora, o que seria o gol de empate do Sport na partida. No final do primeiro tempo, o Santos ainda chegou na cabeçada de Bryan Ruiz, mas Magrão mais uma vez impediu que o time praiano comemorasse o segundo gol.

Segundo tempo

Na volta do intervalo uma mudança no Sport. Para tentar melhorar a parte defensiva no meio-campo e até a transição de bola no setor, Fellipe Bastos entra na equipe rubro-negra no lugar de Deivid que tinha errado muito nos combates e passes na primeira etapa.

Sport melhora

Aos 4 minutos, Hernane Brocador lança Rogério que invade a área em velocidade, tenta a pancada no chute e a bola toca na rede por fora. O Santos respondeu e na mesma altura de perigo. Aos 8′, Carlos Sanchéz recebe um passe perfeito de Gabriel na cara de Magrão, mas chuta completamente torto, a bola sai.

Mais Sport

Com um time mais equilibrado, as chances começaram a aparecer. Primeiro Vanderlei teve que se esticar todo para impedir que a bola de Rogério entrasse aos 9 minutos. Na sequência, foi a vez de Fellipe Bastos mandar com perigo e a bola passou perto da trave do Santos.

Aos 11, Fellipe Bastos outra vez mandou a bola perigosa para Vanderlei o arqueiro quase se complica.

Sport com um a menos, Santos em cima

Aos 12 minutos a jogada do combate de Rogério voltando para marcar foi punida pelo árbitro como cartão amarelo, como já havia tomado outro no primeiro tempo, foi expulso. Com mais espaço o Santos tratou logo de tentar tirar vantagem da desestabilização dos rubro-negros para buscar ampliar.

O paraguaio Derlis cruza no meio da área, Gabigol finaliza e Magrão voa para fazer a defesa e ficar com a bola.

Técnicos mexem

Com problemas nos times, os treinadores precisam fazer alterações. No Santos, Eduardo Sasha com cãimbras dá lugar a Bruno Henrique. No Sport, Morato entra no lugar de Ferreira que também sai desgastado, e Eduardo Baptista ainda teve que mexer, tirando o Brocador para fazer Carlos Henrique entrar. Por fim Cuca colocar Rodrygo em campo, para sacar Carlos Sánchez.

Santos define

Com um a menos em campo, o Sport sente na pegada. O Santos aproveita e define o jogo. Primeiro aos 33 tem uma jogada anulada de gol. Gabigol recebe passe na área, mas o assistente acusa que ele estava adiantado. Três minutos depois é ele quem serve Rodrygo para ampliar o placar, 2×0.

Com o Sport abatido, o Santos aumenta a blitz, erra na saída de jogo, com Cláudio Winck até tentando sair no desespero, que fica pior. Aos 38′, Victor Ferraz aproveita a bola que vem após o corte de Sander no ataque do peixe  e manda pro gol, a bola ainda toca em Fellipe Bastos e entra, é o terceiro do time paulista, jogo definido.

Minutos finais

Com a vitória definida, restou ao Santos tentar mexer no placar, com seus homens de ataque foi empurrando mais ainda o Sport para o campo de defesa. Apático na parte final do jogo, o Sport foi facilmente dominado e não conseguiu mais tentar qualquer ação de recuperação a não ser, tentando roubar a bola do Santos, até os acréscimos. Final, Santos 3×0 Sport.

Ficha do jogo

Santos 3 

Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Gustavo e Dodô; Alison, Carlos Sánchez e Bryan Ruiz; Derlis González, Eduardo Sasha e Gabriel. Técnico: Cuca

Sport 0

Magrão; Cláudio Winck, Ernando, Ronaldo Alves e Sander; Deivid, Ferreira e Marlone; Gabriel, Rogério e Hernane Brocador. Técnico: Eduardo Baptista.

Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos (SP).
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA).
Assistentes: Helcio Araujo Neves e Heronildo S Freitas da Silva (ambos do PA).
Gols: Eduardo Sasha, no 1º minuto do 1º tempo. Rodrygo, aos 36, e Victor Ferraz, aos 38 do 2º Tempo.
Cartões amarelos: Victor Ferraz, Derlis González e Alison (SAN) e Rogério, Morato e Cláudio Winck (SPO).
Cartão vermelho: Rogério (SPO).

Fonte – http://blogs.ne10.uol.com.br/torcedor/2018/08/18/sport-perde-para-o-santos-e-pode-terminar-a-rodada-no-z4-do-brasileirao/

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.