Bom Jardim Notícias.com

Crescem registros de picadas de escorpiões. Saiba como se proteger

Crescem registros de picadas de escorpiões. Saiba como se proteger

Animais que atacam sorrateiramente. Um levantamento da Secretaria Estadual de Saúde (SES) de Pernambuco mostra que o número de acidentes com escorpiões aumentou 10,4% no estado. O animal é normalmente atraído pela presença de baratas e insetos, principais presas dele. Segundo o órgão, foram registrados 674 casos de picada do aracnídeo no primeiro semestre deste ano, 64 a mais do que no mesmo período de 2017.

Os dados indicam ainda que o maior número de vítimas se concentra na faixa etária de 1 a 4 anos (145), uma tendência verificada em outros tipos de intoxicações nos pacientes atendidos pelo Centro de Assistência Toxicológica de Pernambuco (Ceatox). O órgão é responsável pelo registro de incidentes com animais peçonhentos, venenos e medicamentos. Neste ano, o número de atendimentos no setor teve um acréscimo de 8% (1.775 pacientes) em relação ao ano passado, quando 1.631 pessoas receberam assistência no local.

Na última segunda-feira (3), uma criança de dois anos morreu após ser picada por um escorpião na cidade de Itambé, na Mata Norte de Pernambuco. Kaíque César Martins da Silva foi atingido por uma picada do animal enquanto brincava no jardim de casa, no bairro de Luiz Gonzaga. Outros casos de picada do animal foram registrados no Hospital da Restauração (HR) na última quarta-feira (5). Confira detalhes na matéria da repórter Liliam Queiroz, da TV Clube, uma emissora do Sistema Opinião.

https://www.op9.com.br/pe/noticias/crescem-registros-de-picadas-de-escorpioes-saiba-como-se-proteger/

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.