Bom Jardim Notícias.com

Governadores do Nordeste fazem convite a Bolsonaro

Governadores do Nordeste fazem convite a Bolsonaro

Representando os gestores do Nordeste, o governador reeleito do Piauí, Wellington Dias (PT), único da região a participar do encontro com o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), em Brasília, entregou, nesta quarta (14), uma carta com reivindicações e convidou o futuro chefe do Executivo para encontro com os governadores da região na próxima quarta-feira, na Capital FederalBolsonaro, todavia, ainda não confirmou a reunião. Na carta, a ausência dos demais governadores é justificada por missões no Brasil e no exterior.

A pauta da agenda solicitada seria “fomento ao crescimento econômico para geração de emprego e também a prioridade para o Plano Nacional de Segurança”. “Destacamos, inicialmente, a importância do trabalho em conjunto para a superação dos altos índices de violência registrados no Nordeste, ponto essencial para a melhoria da qualidade de vida. Do total de assassinatos registrados no Brasil, o Nordeste concentra 40,5% dos casos, em sua maioria, provocados por armas de fogo”, diz a carta.

Leia também:
Bolsonaro defende aprovação de medidas amargas pelo Congresso
Governadores eleitos se reúnem em Brasília 
Humberto lamenta saída dos 11 mil profissionais do ‘Mais Médicos’

Os governadores nordestinos também pediram pautas específicas, como liberação de empréstimos para investimentos, prioridade para programas de recursos hídricos, apoio à agricultura familiar, retomada de obras do Programa de Aceleração do Crescimento(PAC) e Minha Casa Minha Vida, operações de crédito especial através do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), posição contrária a venda da Chesf e Eletrobras e desoneração do PIS/Cofins do saneamento, entre outras coisas. “Entendemos que estas medidas são essenciais para a retomada rápida do processo de desenvolvimento, geração de emprego e redução das desigualdades no Nordeste”, diz o documento.

Os gestores eleitos do Nordeste estavam organizando reunião no próximo dia 21 para discutir pautas de interesse regional e nacional para apresentar a Bolsonaro. Combinado com os demais governadores, Dias convidou o presidente eleito para participar deste encontro ou de realizar uma reunião logo após a posse como presidente da República.

Os governadores Paulo Câmara (PSB), de Pernambuco, e Renan Filho (MDB), de Alagoas, estão de férias. Rui Costa (PT), da Bahia, e Camilo Santana (PT), do Ceará, estão em missão no exterior. João Azevêdo (PSB), da Paraíba, Fátima Bezerra (PT), do Rio Grande do Norte, Belivaldo Chagas (PSD), de Sergipe, e Flávio Dino (PCdoB), do Maranhão, estão no Brasil, mas também não compareceram. O vice-governador da Bahia, João Leão (PP), participou do fórum.

De férias, Câmara retorna ao Brasil no dia 20. O Palácio do Campo das Princesas confirmou que, caso Bolsonaro confirme presença, o governador pernambucano participaria da reunião. A deputada federal Luciana Santos (PCdoB), eleita vice-governadora, iria representar Câmara no encontro de ontem, mas – como houve a ação combinada entre os gestores – recuou.

A crítica dos nordestinos é pelo fato da reunião ter caráter eminentemente político e não administrativa-institucional. Ela foi convocada por governadores eleitos aliados de Bolsonaro – João Doria (PSDB), de São Paulo, Wilson Witzel (PSC), do Rio de Janeiro, e Ibaneis Rocha (MDB), do Distrito Federal. Todos os nordestinos apoiaram o candidato derrotado Fernando Haddad (PT), que, por sua vez, venceu em todos os estados.

Fonte – https://www.folhape.com.br/politica/politica/governadores/2018/11/15/NWS,87622,7,1283,POLITICA,2193-GOVERNADORES-NORDESTE-FAZEM-CONVITE-BOLSONARO.aspx

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.